Notícias

Soja: volume das vendas aumenta no Brasil e preços sobem

A alta do dólar e a estabilidade na Bolsa de Chicago determinaram a ajuste nas cotações nesta segunda-feira

A semana iniciou com preços firmes na maioria das praças de comercialização de soja do Brasil nesta segunda-feira, 22. O ritmo dos negócios seguiu limitado, mas um pouco mais acelerado do que na semana passada, quando a comercialização praticamente travou. A alta do dólar e a estabilidade na Bolsa de Chicago determinaram esse pequeno ajuste nas cotações.

Em Passo Fundo (RS), a saca de 60 quilos subiu de R$ 163 para R$ 166. Na região das Missões, a cotação avançou de R$ 162 para R$ 165. No porto de Rio Grande, o preço aumentou de R$ 168 para R$ 170.

Em Cascavel, no Paraná, o preço passou de R$ 154,50 para R$ 159,50 a saca. No porto de Paranaguá (PR), a saca subiu de R$ 166 para R$ 169.

Em Rondonópolis (MT), a saca baixou de R$ 160 para R$ 158,50. Em Dourados (MS), a cotação seguiu em R$ 151. Em Rio Verde (GO), a saca subiu de R$ 154 para R$ 156.

Chicago

Os contratos futuros da soja negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam a segunda-feira, 22, com preços mistos em dia volátil. As primeiras posições subiram e as demais seguiram sob pressão.

A melhora no clima na América do Sul e o resultado dentro do esperado para as inspeções semanais pressionaram as cotações. Mas fatores técnicos e o bom desempenho do óleo puxaram alguns contratos, em dia de ajustes.

Os contratos da soja em grão com entrega em maio fecharam com alta de 1,25 centavos de dólar por libra-peso ou 0,08% a US$ 14,17 por bushel. A posição julho teve cotação de US$ 14,04 por bushel, com ganho de 1 centavo ou 0,07%.

Nos subprodutos, a posição maio do farelo recuou US$ 11,30 ou 2,77% a US$ 396,60 por tonelada. No óleo, os contratos com vencimento em maio fecharam a 56,37 centavos de dólar, ganho de 2,50 centavo ou 4,64%.

Dólar

O dólar comercial encerrou a sessão em alta de 0,60%, sendo negociado a R$ 5,5180 para venda e a R$ 5,5160 para compra. Durante o dia, a moeda norte-americana oscilou entre a mínima de R$ 5,4950 e a máxima de R$ 5,5480.

Texto: Agência Safras

 

Colheita da soja

Venda da soja

Comentários

Quer ficar por dentro de todas as notícias? Entre no nosso grupo do whatsapp: