Notícias

PR deve produzir 148 mil ton de arroz na safra 2020/2021

Para a safra 2020/21, os produtores paranaenses plantaram 2,6 mil hectares de sequeiro e 18,5 mil em área irrigada

Para a safra 2020/21, os produtores paranaenses plantaram 2,6 mil hectares de sequeiro e 18,5 mil em área irrigada. A produção prevista é de aproximadamente 148 mil toneladas, repetindo o resultado da safra anterior. Esse volume não é suficiente para atender a demanda do Estado. Por isso, há necessidade de o arroz vir de outras regiões produtoras, notadamente de Santa Catarina e Rio Grande do Sul.
Até 1975, o Paraná tinha produção significativa de arroz de sequeiro, com o plantio consorciado ao café. Por ter pouca área irrigada, a cultura cafeeira era uma boa opção. No entanto, a forte geada ocorrida nesse ano desestimulou a cafeicultura. A rizicultura, que já começava a definhar, seguiu o mesmo caminho. O florescimento da cultura da soja reduziu ainda mais a produção no Estado e nem mesmo o aumento do preço deve estimular uma retomada.
Em dezembro do ano passado, os produtores estavam recebendo R$ 100,00 pela saca de 60 quilos de arroz. Esse valor representa aumento de 56% em relação ao preço de R$ 64,00 pela mesma saca em dezembro de 2019. No caso do varejo, o preço médio subiu até 73%, passando de R$ 15,00 o pacote de 5 quilos para R$ 26,00. É possível que haja uma pequena redução com o início da colheita no final deste mês.
Fonte: Deral

Comentários

Quer ficar por dentro de todas as notícias? Entre no nosso grupo do whatsapp: