Notícias

Jovem de São Mateus do Sul é finalista da Olimpíada Rural 2021

A técnica em agropecuária Fátima Motelewski, 18 anos, é moradora da localidade de Arroio da Cruz e está entre os 75 finalistas da competição

arquivo pessoal

 

 

O Sistema FAEP/SENAR-PR divulgou no dia 20 de outubro a lista dos classificados para a segunda fase da Olimpíada Rural 2021. Entre os 75 finalistas está a jovem Fátima Moteleski, de São Mateus do Sul.

 

Conforme o Sistema FAEP/SENAR-PR, a competição envolve alunos dos programas Aprendizagem de Adolescentes e Jovens (AAJ) e Jovem Agricultor Aprendiz (JAA), do Sistema FAEP/SENAR-PR. O objetivo é incentivar o empreendedorismo e a inovação entre os jovens do meio rural. Além disso, prepará-los para exercer a cidadania e se tornarem profissionais competentes.

 

 

Fátima participou do curso JAA, onde ficou sabendo sobre a Olimpíada Rural. “Decidi participar para desfrutar dos meus conhecimentos e talvez chegar ao prêmio final. Participar da primeira etapa foi preciso muito empenho e dedicação”, conta.

 

 

Ela e os outros participantes precisaram gravar um vídeo, justificando porquê deveriam participar da segunda fase da competição, e realizar provas de matemática, português e temas relativos ao contexto rural.

 

 

A técnica se sente muito feliz por ter passado da etapa inicial. “A importância de ser finalista é por saber que meu empenho foi recompensador”, aponta.

 

 

Fase final

 

 

Agora, os 75 finalistas irão trabalhar em equipes com cinco integrantes cada uma. São 15 grupos no total.

 

De acordo com a organização, os alunos terão pela frente um case real envolvendo uma situação em uma propriedade rural. Nesta etapa, será necessário aplicar os conhecimentos adquiridos nos programas JAA e AAJ.

 

 

Mesmo sabendo a dinâmica, Fátima está aguardando com entusiasmo o seguimento da Olimpíada Rural 2021, e a revelação da prova. “A etapa final ainda não sei bem como vai ser, mas espero que seja de sucesso”, diz.

 

 

Conheça a finalista

 

 

Fátima Motelewski nasceu em São Mateus do Sul, e mora com os país na localidade de Arroio da Cruz, no interior do município. Filha de agricultores, a jovem desde pequena demonstrou interesse pelo meio rural.

 

 

“No ano de 2020 me formei em técnica em agropecuária no Colégio Agrícola da Lapa e neste ano [2021] estava cursando JAA [Jovem Agricultor Aprendiz]. Atualmente trabalho na agricultura junto com meus pais”, destaca.

 

 

Ambientada desde criança no campo, Fátima aponta que gosta deste estilo de vida por ser tranquilo e propiciar o contato com a natureza.

 

Texto: Daiara Souza, com informações do Sistema FAEP/SENAR-PR.

Comentários

Quer ficar por dentro de todas as notícias? Entre no nosso grupo do whatsapp: