Notícias

Ipiranga foi o município com mais aquisições no programa Trator Solidário

De acordo com a Secretaria de Agricultura e do Abastecimento (Seab), o município também é destaque no recebimento de pulverizadores

Trator solidário, patagem. Ipiranga. Foto:Jaelson Lucas / AEN

 

A Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento (Seab), por meio do Departamento de Economia Rural (Deral), divulgou nesta segunda-feira (21) um caderno com o relatório sobre o Programa Trator Solidário e a análise da distribuição de recursos entre 2007 e 2021. O programa possibilita o financiamento, com preços mais acessíveis, de tratores, pulverizadores e colhedoras para pequenos produtores.

 

 

Para isso, trabalham em parceira a Seab, o Instituto de Desenvolvimento Rural – Iapar-Emater (IDR-Paraná), a Fomento Paraná, agentes financeiros e cooperativas de crédito, além de fabricantes de implementos, equipamentos, tratores e máquinas agrícolas. Esse é um dos programas que exercem papel importante no processo de inovação, modernização e implantação de tecnologias nas unidades produtivas de até quatro módulos fiscais.

 

 

No caso dos tratores, o documento aponta que, durante o período estudado, foram entregues mais de 13.275 unidades, com força variando entre 55 cv até 75 cv. O valor financiado entre 2007 e 2021 foi de R$ 891.739.077,30. Os núcleos que mais se destacaram na aquisição são Toledo, Curitiba e Francisco Beltrão, enquanto os municípios de Ipiranga, Toledo e São João do Triunfo lideram.

 

 

As colhedoras de grãos entraram na lista de produtos com possibilidade de financiamento em 2015. Por serem equipamentos mais caros, a aquisição desse tipo de bem exige, normalmente, a participação de dois ou mais produtores, geralmente membros da mesma família, mas com áreas distintas de exploração. O documento mostra que os destaques em compras são os municípios de Ubiratã e Palotina. Em sete anos, foram financiadas 279 colhedoras no valor de R$ 86.640.300,30.

 

PULVERIZADORES

 

Em 2015, também começou o financiamento de pulverizadores para agricultores familiares. Desde então, o valor financiado foi de R$ 2.205.020,26 para a compra de 115 equipamentos. Os núcleos regionais de Ponta Grossa e Curitiba foram os que mais tiveram favorecidos. Os destaques municipais são para Ipiranga e Marmeleiro.

 

Fonte: Seab

Comentários

Quer ficar por dentro de todas as notícias? Entre no nosso grupo do whatsapp: