Notícias

Associação dos Engenheiros Agrônomos da Região de Irati é premiada pelo CREA/PR por atuação regional

Cada vez mais o profissional da Agronomia é valorizado pela relevância de sua atividade no mercado brasileiro

AEARI foi a entidade regional premiada como Destaque Profissional 2021 pelo CREA/PR

 

 

A Associação dos Engenheiros Agrônomos da Região de Irati (AEARI), este ano completou 35 anos de atuação na defesa deste importante profissional que colabora para o desenvolvimento agropecuário brasileiro. E, no último dia 12 de novembro, a Entidade de Classe, AEARI, foi uma das premiadas pelo Crea-PR como destaque na Regional, em evento realizado em Foz do Iguaçu.

 

 

“O Brasil precisa cada vez mais ser protagonista na produção sustentável de alimentos seguros e saudáveis para atender as necessidades do seu povo e do mercado global, visando promover o desenvolvimento econômico social com preservação ambiental. E nesse contexto, com esses desafios, que os Engenheiros Agrônomos precisam compreender e atuar, aplicando seus conhecimentos para resolução de problemas cada vez mais complexos, por meio das atribuições concedidas, reguladas e fiscalizadas pelo estado por meio dos conselhos profissionais no Sistema CONFEA/CREA”, destaca o presidente da AEARI, Roberto Chueire Vieira.

 

 

REPRESENTATIVIDADE

 

 

Nos 40 municípios que integram a Regional de Guarapuava do CREA-PR estão registrados 1.265 Engenheiros Agrônomos e Engenheiras Agrônomas: 176 na Inspetoria de União da Vitória, 681 na Inspetoria de Guarapuava, 209 na Inspetoria de Irati e 199 na Inspetoria de Laranjeiras do Sul.

 

 

Chueire Vieira, ressalta que as atividades desenvolvidas pelo Engenheiro Agrônomo estão na base econômica da região Centro-Sul do Paraná. “Ou seja, a agropecuária é atividade responsável por grande parte do desenvolvimento sócio econômico e da geração de renda dos municípios que compõem as quatro Inspetorias do Crea-Pr. A escolha da tecnologia certa, do produto, da forma de produção, do momento da comercialização e outras escolhas fazem a diferença no resultado obtido em uma atividade econômica”, cita o presidente AEARI.

 

 

 

Representando a AEARI, o presidente Roberto Chueire Vieira, recebeu a homenagem pela atuação da entidade

 

CONGRESSO PARANAENSE

Ainda, no dia 17 de novembro, a AEARI participou do XIX Congresso Paranaense de Engenheiros Agrônomos, realizado em Toledo, onde foi debatido as tendências da agropecuária e a inserção do Engenheiro Agrônomo neste novo cenário. Entre os palestrantes, a participação do Engenheiro Agrônomo e ex-ministro da Agricultura, de 2003 a 2006, Roberto Rodrigues. Em seguida, o evento promoveu um painel com a participação de diretores e presidentes de diversas instituições.

 

 

“Um bom profissional da agronomia deve protagonizar solução de problemas e buscar oportunidades de trabalho e negócios, por isso a importância de uma visão sistêmica tanto da produção e seus diferentes processos, como das demandas, conhecendo as diferentes necessidades dos consumidores”, avalia Chueire Vieira.

Comentários

Quer ficar por dentro de todas as notícias? Entre no nosso grupo do whatsapp: