Cebola é inserida no Zoneamento de Risco Climático

A cultura da cebola é a primeira hortaliça inserida no Programa Nacional de Zoneamento Agrícola de Risco Climático (Zarc) para todas as regiões produtoras do país. A portaria foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) pelo Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), nesta sexta-feira (09).

O Zarc delimita as áreas e épocas de baixo risco climático para a implantação e produção da cultura no Brasil. Os resultados do Zarc da cebola abrangem todas as regiões produtoras e os plantios de verão e inverno, contemplando cultivos de sequeiro e irrigado. 

Ao seguir as recomendações contempladas no Zarc, os agricultores ficam menos sujeitos aos riscos climáticos e ainda podem ser beneficiados pelo Programa de Garantia da Atividade Agropecuária (Proagro) e pelo Programa de Subvenção ao Prêmio do Seguro Rural (PSR). 

Na escala mundial, atualmente, o Brasil ocupa a 13ª posição com uma produção estabilizada em torno de 1,6 milhão de toneladas ao ano.

Os resultados do Zarc da cebola estão disponibilizados pelo Mapa no Painel de Indicadores e no aplicativo Zarc Plantio Certo (IOS, Android).

*Mapa com edição

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *