Carne suína amplia competitividade frente a concorrentes

Com os preços em queda, a carne suína vem ganhando competitividade frente às concorrentes (bovina e de frango).

Segundo pesquisadores do Cepea, a desvalorização da carcaça especial suína, após quatro meses seguidos de alta, se deve à demanda enfraquecida típica de início de ano, em razão das despesas extras da população, e à oferta elevada, sobretudo por parte de agentes do Sul do País (considerado o maior polo produtor), onde frigoríficos locais têm disponibilizado a carne a preços mais competitivos.

As cotações da proteína de frango também estão em queda, mas em menor intensidade comparada à suína, enquanto a de boi apresenta leves altas – todas no mercado atacadista da Grande São Paulo.

* Cepea.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *