Processo de originação da CooperAliança garante carne de qualidade o ano todo

A CooperAliança se destaca como uma referência na produção de carnes de qualidade e tem no setor de fomento e no trabalho de originação, pontos essenciais no desenvolvimento da cadeia produtiva junto aos cooperados. Nesta matéria, mergulhamos nos bastidores desse processo com o gerente de Fomento da cooperativa, Robson Ueno.

A principal missão do setor é originar um produto de qualidade, dentro dos padrões exigidos pela cooperativa, e garantir regularidade na oferta de carne. Um diferencial significativo em relação às práticas comuns do mercado. Ao contrário de muitas outras marcas, a CooperAliança não apenas entrega carne ao consumidor, mas também orienta todo o processo, desde o produtor rural até o consumidor final.

“O fluxo de informações que ocorre dentro dessa cadeia passa por nós, orientando sempre o setor produtivo das preferências do consumidor. Então, de acordo com os feedbacks que recebemos dos clientes e dos consumidores de carne, alinhamos o trabalho com o nosso cooperado para poder gerar um produto cada vez de mais excelência e que atenda aos anseios dos consumidores”, comenta Robson.

Robson Ueno é gerente de fomento na CooperAliança

Com a crescente demanda por carnes com características específicas, como acabamento de gordura e marmoreio, a CooperAliança adota uma abordagem única. A orientação começa desde a genética, mapeando e selecionando o perfil genético das matrizes, para garantir um produto de alto padrão. “Não é todo animal que produz esse tipo de carne. Então iniciamos a orientação técnica para esses produtores que vai desde a concepção dos animais à genética ideal a ser usada para produzir o padrão de carne ideal para atender às exigências dos consumidores. O acompanhamento na criação desses animais ocorre durante toda a sua fase de vida”, explica.

Conforme o gerente de fomento, o protocolo abrange aspectos como a seleção de pastagens, manejo dos animais e até a alimentação balanceada durante a fase de confinamento, garantindo o sabor, a coloração da carne e a cobertura de gordura desejada pelos consumidores.

ATENDIMENTO

Com uma equipe de profissionais, entre médicos veterinários, agrônomos e zootecnistas, a CooperAliança realiza visitas mensais aos cooperados para garantir o cumprimento dos protocolos de produção. Este compromisso permite à cooperativa entregar produtos de qualidade 365 dias por ano.

“Nossa missão é originar com qualidade e com regularidade de oferta, mantendo sempre a excelência em todos os nossos processos, desde a produtor rural até o consumidor”, afirmou Robson.

NOVOS COOPERADOS

O gerente destaca também que quando um produtor quer fazer parte da cooperativa e quer entregar o animal para o abate, ele precisa passar por um processo de avaliação para entender se tem condições de se adaptar ao protocolo de trabalho da CooperAliança, além de passar por um período de adaptação.

“Eles têm que fazer alguns abates experimentais para que possamos avaliar se a produção dele é condizente com o nosso padrão de qualidade. E a partir disso, seguimos orientando esse produtor de que forma ele tem que adotar os processos produtivos do rebanho para manter o padrão ideal”, finaliza Ueno.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *